16 abril 2007

Visita ao Centro Social Nossa Senhora da Graça de Baleizão


No passado dia 4 de Abril, o Projecto Mão a Mão dirigiu-se para Baleizão, uma freguesia a 14 km da cidade de Beja.
Nesta freguesia fez-se uma pequena visita ao Centro Social Nossa Senhora da Graça, com o intuito de conhecer um pouco melhor a instituição e dar em mão o valor conseguido com o leilão de Dezembro de 2006, €105,00.


O director da instituição, Frederico Palma, deu a conhecer as instalações da instituição, as quais repletas de luz solar transmitiam tranquilidade. À medida que a visita a cada cantinho da instituição decorria Frederico Palma mostrou a sua preocupação para com uma população cada vez mais envelhecida, uma das razões que levou a que aquele centro fosse criado.
Assim, este Centro Social dá resposta aos idosos daquela zona através do Apoio Domiciliário de do Centro de Dia. É neste Centro que alguns dos idosos passam grande parte do seu dia, contando as suas histórias, vendo televisão na sala de estar do centro, ou ainda num pequeno espaço, onde os idosos podem fazer lindas peças de artesanato, com o apoio de Luísa Cochilha. Neste atelier de artesanato fazem-se peças maravilhosas, muitas das quais estão a ser preparadas, neste momento, para a Ovibeja que decorrerá entre os dias 28 de Abril e 6 de Maio. Quem quiser e puder visitar o stand desta instituição, poderá ver pessoalmente a perfeição com que cada artigo é feito.

As dificuldades financeiras são muitas, é verdade, mas a vontade de dar continuidade a este projecto é enorme, esperando-se futuramente que seja possível criar a valência de Lar para os idosos daquela zona.

Embora esta instituição não possua muito, não caiu no esquecimento o gesto de partilhar o pouco que tem com as outras instituições. Assim, foi-me entregue um cestinho cheio de pregadeiras, um espantalho e um terço, que farão parte dos próximos leilões Mão a Mão.


Em nome do projecto Mão a Mão agradeço toda a simpatia com que me receberam no Centro e espero que, além do valor leilão de dezembro, surjam muitos mais apoios de modo a que seja possível atingir os objectivos que beneficiarão a comunidade de Baleizão.

2 comentários:

abelha maia disse...

Fiquei maravilhada com a ideia. Gostei muito e irei participar no futuro. Estarei atenta. E se quiser dar peças para leiloar como posso fazer? que tipo de peças aceitam? Reparei que é tudo artesanato.
Parabéns

Maria Lua disse...

Sandra,
gostei muito dessa visita. É sempre bonito observar que quando se dá também se recebe em troca. O coração dos que mais precisam é muito mais rico do que nós pensamos.
Quem me dera que o Mão a Mão tivesse mãos suficientes para chegar a muitos mais lados - principalmente aos mais isolados e esquecidos.
Mas o que já faz é um valioso princípio! Valha-nos todas essas mãos que dão as peças e as que licitam, juntas fazem uma diferença enorme!
E bem hajas Sandra, por toda essa motivação e disponibilidade.
:)