09 março 2006

Dia de visita aos Malmequeres

Perto de nós observamos que existem realidades bem diferentes da nossa. Estas realidades tão diferentes encontram-se dentro de instituições que poderemos tomar como um exemplo a seguir, uma vez que a sua luta pela dignificação da imagem dos seus utentes é uma constante no seu percurso.
O projecto Mão a Mão tenta, deste modo, despertar a sociedade para a existência de instituições com objectivos tão louváveis como este. Assim, além do leilão mensal é importante conhecer e dar a conhecer, interagir com as pessoas destas instituições. Por isso, tentamos fazer uma visita às instituições seleccionadas.
(Os Malmequeres, Patrícia Lima e Sandra B.)
Hoje foi dia de fazer uma visita aos Malmequeres, instituição que benefeciou do valor conseguido com o leilão de Janeiro. Contei com a companhia da Patrícia Lima, que os malmequeres estavam ansiosos por conhecer.
Após uma breve apresentação de todos dirigimo-nos para a Ludoteca d' Os Malmequeres para desenvolvermos algumas actividades com eles. A Patrícia ensinou-os a fazer carteirinhas de tetra pack. Foram seguindo os vários passos com muita atenção, enquanto cada um fazia a sua carteirinha. Após esta actividade, participámos todos no jogo "O Prisioneiro da Torre" e no final, como prémio de participação, distribuíram-se bombons por todos.
(Realização das carteirinhas)
Seguiu-se uma surpresa para a Patrícia, a apresentação da história "Cabra Cabrês" em sombras chinesas. As personagens desta história são animais em madeira, os quais foram desenhados pelos malmequeres. Na história três dos malmequeres são responsáveis pela manipulação das personagens.
De regresso à sede d'Os Malmequeres, cada um dos utentes mostrou com grande contentamento o trabalho que estava a fazer (molduras, flores, jogos, etc.). Cada trabalho é realizado com desenhos criados por eles, os quais são lindos e muito coloridos.
Depois de almoço, voltámos à oficina para ver a continuação dos seus trabalhos. Tive a oportunidade de mostrar à Patrícia os dossiers com os vários desenhos de cada um.
O dia terminou com chave de ouro. A Patrícia levou dois bolos que adoçou o lanche de todos.
Infelizmente, não se entregou ainda a Diciopédia e o Jogo educativo da Porto Editora, uma vez que surgiu um atraso na entrega destes artigos. Espero que amanhã chegue e os possa surpreender com as duas prendas!

6 comentários:

rutinha disse...

fikei emocionada de ler este vosso relato. às vezes esquecemo-nos q não é preciso dar mto p tornarmos o dia de alguém especial. com certeza o dia da vossa visita foi mto especial p os malmequeres, mas acredito q ainda deve ter sido mais especial p voçês. sandra obrg pelo empenho neste projecto,vou de certeza participar mais vezes!

Arte da Luluzinha disse...

Fiquei muito feliz de ver como correu a visita e da alegria de todos. Parabéns e sucesso sempre.
Um abraço, Ana Melo

patricia lima disse...

o carinho, a alegria, o entusiasmo daqueles rapazes e raparigas é verdadeiramente contagiante! foi um dia maravilhoso, daqueles que irão ficar para sempre no nosso coração. apetece-me voltar já amanhã a visitá-los de novo!

patricia lima disse...

e nunca é demais elogiar a tua iniciativa sandra, que é de um carinho e de uma disponibilidade do tamanho do mundo!

Anónimo disse...

What a great site here

Anónimo disse...

OLÁ A TODOS OS MALMEQUERES, FUI ALUNA DA ESCOLA DE FORMAÇÃO SOCIAL DOS MARRAZES E POR DUAS VEZES TIVE O PREVILÉGIO DE ESTAR CONVOSCO.DEIXO AQUI UM ABRAÇO A TODOS VÓS E QUERIA DAR-VOS OS PARABÉNS,SÃO PESSOAS REALMENTE ESPECIAIS, ADMIRO-VOS MUITO E CONTINUEM COM O VOSSO FABULOSO TRABALHO. BEIJINHOS PARA TODOS